A Airfluencers preza pelo bem estar de seus cliente e funcionários!

Por conta do novo Coronavirus, a empresa toda fará home office de 16/03 a 20/03. Mas não é por isso que deixaremos de atendê-los da mesma forma de sempre!

Pedimos somente que, caso tenha alguma dúvida ou problema, nos contate pelo chat da plataforma (balãozinho rosa à direita da janela), site, e-mail, ou via direct de nossas redes.

Por Airfluencers

Em 16 de June de 2022

Obrigada, TikTok - ABBA is back!

 

Marcas precisam ficar atentas às movimentações culturais construídas ou reconstruídas nas redes sociais. Dessa vez, no TikTok e o ABBA agradece.

No ano passado, as músicas do ABBA se tornaram uma febre entre os usuários do TikTok. Músicas lançadas na década de 70 do século passado viraram febre em vídeos de jovens que descobriram o grupo. Músicas como “Gimme! Gimme! Gimme! (A Man After Midnight)”, “Mamma Mia”, “Dancing Queen”, “Money, Money, Money” foram curtidas milhares de vezes

 

 

Graças a isso, o ABBA lançou um novo álbum com o nome “Voyage” só com músicas inéditas após 40 anos sem gravações. Três dias após o anúncio do projeto, o álbum tornou-se a pré-venda mais rápida de todos os tempos no Reino Unido, vendendo mais de 80 mil cópias. No streaming de música como o Spotify, o ABBA tem suas músicas ouvidas mais de 20M de vezes mensalmente.

Essa explosão de novos fãs, fez também com que o ABBA saísse em turnê, mas de uma maneira inovadora. Para a nova turnê, chamada de ABBA Voyage, foram criados avatares de cada um dos 4 cantores (ainda jovens), são os  “Abba-tars”. Eles criam a ilusão de voltar aos anos 70.

O vídeo da estreia do show em Londres já teve 1,1M de visualizações no TikTok.

380 mil ingressos já foram vendidos para essa turnê, sendo que um quarto dessas vendas foram feitas por fãs fora do Reino Unido. Como uma marca poderá usar essa experiência para se conectar com sua audiência?

As pessoas de qualquer idade estão atrás de eventos que os emocionem, e não importa em que tempo isso tenha acontecido, as emoções voltam a se repetir mesmo nas gerações mais jovens como a Geração Z. Importante dizer que um em cada 10 ingressos foi comprado por alguém com menos de 24 anos. Thanks again, TikTok.

As marcas devem estar atentas às tendências das redes sociais, mas também devem estar atentas ao uso de tendências que fizeram sucesso e retornam com força, como no caso do ABBA. Essas tendências podem ser trabalhadas de modo a atraírem tanto a geração mais madura quanto os mais novos, e para isso deve trazer elementos contemporâneos da cultura.

Marcas de bebidas (alcoólicas ou não) tem historicamente uma relação com a música e são grandes patrocinadores de shows e eventos. Essa categoria deve estar atenta como nunca a essas movimentações culturais para conseguirem engajar suas audiências de forma orgânica. Empresas de moda também devem estar atentas a essas questões, pois também são muito sensíveis ao movimento dos desejos de suas comunidades. Roupas, ou até mesmo acessórios, podem oferecer uma releitura e voltarem renovados para novos consumidores.

ABBA irá lançar "Voyage", seu primeiro álbum após 40 anos | CNN Brasil

 

Resumindo, as redes sociais são ferramentas de comunicação com uma capacidade de alcance imensa, o case do ABBA nos mostra que o uso eficiente delas, seja para entender o que acontece ou para identificar quando algo voltar ao centro de atenção das pessoas.

E você? O que acha que podemos esperar das marcas para com sua audiência e de todo esse movimento construído pela geração Z presente no Tiktok?

 

 

Converse conosco e entenda o mundo do Marketing de Influência, nos contate!